5 de outubro de 2015

Guacamole sem lei


Olá Mary & Mom,

acusam-me os amigos mais puristas de corromper a receita original de guacamole ao colocar-lhe a varinha mágica. É verdade que fica um pouco mais cremoso do que o normal mas é bastante prático fazê-lo assim e todo o meu pessoal cá por casa o adora.

 A verdade é que desde que provei o guacamole da minha amiga Tânia mudei completamente de opinião. O guacamole esmagado e misturado à mão contém explosões de sabor que tornam a experiência muito mais emocionante. Daí, puxei do meu almofariz de madeira de oliveira e toca de deitar mãos à obra.
Esta experiência tem tanto de México como de faroeste alentejano e, na verdade, lembrando um tesourinho deprimente dos Gatos Fedorentos, sabe a Guacamole sem lei. 




Ingredientes:
  • 2 abacates maduros
  • uma cebola roxa pequena
  • 1 colher de chá de calda de pimenta (ou massa de pimentão ou uma malagueta vermelha picada)
  • 1 colher de café de sal
  • sumo de um limão
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 1 molhinho de coentros picados


Modo de Fazer:

1) Colocam-se os abacates descascados e cortados aos pedaços num almofariz grande e mói-se até formar uma pasta grumosa.

2) Pica-se a cebola para dentro do almofariz, junta-se a calda de pimenta e o sal e mói-se.


3) Tempera-se com o sumo de limão, o azeite e os coentros picados.



Gosto deste guacamole com tudo: tostas integrais, tiras de milho fritas, como tempero de salada. :)

Bom apetite,
Sophia.



Sem comentários:

Enviar um comentário