4 de novembro de 2013

Salada quente de couve roxa com maçãs e castanhas


Olá Mary & Mom,

tenho tido aqui esta receita guardadinha para o Outono. Em primeiro lugar porque, sendo uma salada quente pede tempo fresco para ser servida e em segundo lugar porque esta é a época das castanhas e é preciso aproveitá-las. Bem, na verdade, hoje em dia já se encontram castanhas todo o ano, devidamente descascadas e peladas na secção de congelados dos supermercados, que facilitam imenso o trabalho. Ainda assim não há como comer na época aquilo que é da época.

 A receita que vos apresento foi inspirada num livrinho que tínhamos lá em casa já há anos e que ainda não tinha sido devidamente experimentado (vide Bibliografia). Uma vez experimentada foi logo adoptada para ser repetida muitas e muitas vezes. Não é tão complicada como pode parecer à primeira vista e sei que vão gostar.

 Podem usá-la como acompanhamento num prato vegetariano, ou de carne ou peixe, se o desejarem, pois é bastante flexível.


Ingredientes:

  • 300g de couve roxa
  • uma dúzia de castanhas (usei congeladas)
  • 1 maçã reineta (ou outra)
  • 1 cebola
  • cerca de 60 mL de azeite
  • 2 colheres de sopa de vinagre (usei de maçã, mas poderão usar de vinho branco ou de ameixa umeboshi, conforme a vossa preferência)
  • 1 ou 2 colheres de chá de mel (ou geleia de arroz ou milho, para uma opção vegan)
  • 1 caneca de água morna
  • 2 ou 3 cravinhos-da-índia
  • 1 colher de café de canela
  • 1 pitada de noz moscada (menos que 1/4 de colher de café)
  • sal grosso q.b. (usei meia colher de chá)

Modo de Fazer:

1) Começa-se por preparar as castanhas. Se usarem castanhas congeladas (já descascadas e peladas) cozam-nas numa previamente durante 10 a 15 minutos e reservem.
 Se usarem castanhas com casca façam-lhes um golpe em cruz e cozam-nas numa panela à parte durante cerca de 15 a 20 minutos. Escorram-nas, deixem arrefecer e descasquem-nas. Reservem.


2) Lava-se bem a couve e corta-se em juliana grosseira. Reserva-se.

3) Aquece-se o azeite num tacho com tampa e frita-se nele a cebola, cortada às meias luas ou picada, em lume médio/brando.

4) Antes de a cebola alourar acrescenta-se a couve, o vinagre, o mel, a canela, o cravinho, a noz moscada, o sal e por fim uma chávena de água morna. Tapa-se e deixa-se 1 cozinhar durante cerca de 15 minutos.

5) Entretanto descasca-se a maçã (podem lavá-la e usá-la com casca, se preferirem), removem-se as sementes e corta-se às fatias finas.

6) Acrescentam-se à couve a maçã e as castanhas e deixa-se cozinhar mais 5 minutos. Apaga-se o lume e está pronto a ir à mesa.

Bom apetite,
Sophia.





Bibliografia:

1) WOLTER, Annette; Colecção Bom Apetite - Legumes, Vol.2, ed. nº 5752, Printer Portuguesa/ Círculo de Leitores, Janeiro de 2002.

2 comentários:

  1. Ficou bonita e eu adoro couve roxa!
    Kiss, Susana
    Nota: Ver o passatempo a decorrer no meu blog:
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/2013/11/crumble-de-marmelo-com-aveia-e-nozes.html

    ResponderEliminar
  2. Olá Susana.
    É um belíssimo acompanhamento de Outono. :)
    Em relação ao passatempo pareceu-me uma excelente iniciativa a de usar a fruta da época para fazer um crumble. Como sabes somos adeptas do uso dos produtos da estação.
    Por acaso, o ano passado, mais ou menos por esta época (nem de propósito) fizemos um crumble de marmelo que até ficou muito bom.
    Aqui fica o link para se quiseres dar uma espreitadela: http://comopaoparalaranjas.blogspot.pt/2012/12/crumble-de-marmelos-e-peras.html
    Beijinhos,
    Sophia.

    ResponderEliminar