29 de setembro de 2013

Feijoada de Búzios e Batata Doce à moda de Aljezur

Olá Mary & Mom,
dos tempos em que vivia nos Algarves ficaram-me alguns gostos peculiares. O da batata doce foi um deles. Bem, eu já gostava de batata doce. Sempre gostei, mas nós no Alentejo temos o hábito de a comer assada, como uma guloseima, ao lanche ou à sobremesa. Em Aljezur, região demarcada de batata doce, esta brilha nos pratos principais, é acompanhamento de muitas delícias da terra e do mar e ainda entra pelas sobremesas dentro.
Também em Monchique se produz batata e batata doce de grande qualidade, embora não seja tão conhecida como já é a do concelho vizinho.
Hoje trago-vos uma receita que se faz muito por terras de Aljezur e que aprecio muito. A feijoada de búzios é relativamente conhecida, no entanto, esta tem o toque particular da Costa Vicentina que a torna diferente e quanto a mim muito gostosa: a adição de batata doce.
Os meus agradecimentos ao Chefe Pedro Telles que me ajudou graciosamente a compor esta receita onde já me faltava a memória.
Ingredientes:
  • 1 cebola grande
  • 2 dentes de alho
  • 2 cenouras
  • 1 pimento
  • 3 tomates bem maduros ou 3 colheres de sopa de polpa de tomate
  • 1 chávena de vinho branco
  • 2 chávenas de caldo da cozedura dos búzios (ou de camarão, ou de marisco, ou da cozedura do feijão, se não tiverem outro; eu usei caldo de cozedura de polvo que era o que tinha à mão)
  • 1kg de búzios cozidos (com casca)
  • 1 batata doce grande ou 2 médias
  • 800g de feijão branco ou manteiga cozido
  • sal
  • pimenta
  • 150 mL de azeite
  • 1 mão cheia de coentros picados


Modo de Fazer:
1) Começa-se por remover os búzios já cozidos das cascas. Reserva-se o miolo.
2) Prepara-se um refogado com o azeite, a cebola, o alho, a cenoura e o pimento, tudo picadinho. Vai a lume médio/brando com o tacho tapado durante cerca de 10 a 15 minutos.
3) Acrescenta-se o tomate bem picadinho ou a polpa de tomate e deixa-se cozinhar mais dois ou três minutos, depois dos quais se acrescenta o vinho. Ferve mais uns minutos para deixar evaporar o álcool.
4) Acrescenta-se o caldo da cozedura dos búzios (ou o substituto que utilizarem) e deixa-se ferver. Assim que ferva acrescenta-se um pouco de sal, pimenta, o feijão e os búzios.
5) Ao fim de 10 a 15 minutos a apurar acrescenta-se a batata doce descascada e cortada aos cubinhos e deixa-se cozinhar com o tacho destapado. Rectifica-se o sal e a pimenta.
6) Quando a batata começa a ficar macia acrescentam-se os coentros picados. Apaga-se o lume quando a batata está cozida, mas sem se desfazer, e deixa-se o tacho a repousar durante cerca de meia hora.
Bom apetite,
Sophia.

Ps: para esta receita comprei feijão já cozido, em frasco e os búzios também já cozidos, no entanto, devo dizer que o resultado final ganha em sabor se partindo de matérias-primas de qualidade as confeccionarem integralmente em casa. Obviamente, isto torna a confecção da feijoada muito mais demorada, pelo que deverão por começar a prepará-la dois dias antes.

4 comentários:

  1. Que maravilha! Também adoro batata doce e sou grande fã da zona de Aljezur!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Cozinhar sem Lactose!
      Por acaso devo dizer que me lembrei de ti ao escrever este post. :) Lembrei-me especificamente de uma receitinha apetitosa de bolo (ou seria tarte?) de batata doce, justamente feita com batata doce de Aljezur que me deixou com água na boca.
      Bjinhos,
      Sophia.

      Eliminar
  2. Gosto tanto de feijoada de búzios, perfeito.
    Kiss, Susana
    Nota: Ver o passatempo a decorrer no meu blog:
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/2013/10/dia-um-na-cozinha-e-escolha-do.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Susana!
      E esta é super fácil e rápida de fazer. Experimenta.
      Bjinhos,
      Sophia.

      Eliminar