11 de março de 2013

Pastelinhos de Goa


Olá Mary & Mom,

já vos disse que adoro a cozinha indiana?  

 Neste caso, de Goa, antiga colónia portuguesa onde os meus avós se casaram.
 Eu disse avós? Desculpem, avô! O meu avô casou em Goa e a minha avó no Alentejo.
 Era assim nesses longínquos anos 50, quando os soldados portugueses andavam por esse mundo fora.
 Não sei se por qualquer saudade da Índia que tenha recebido por herança genética, se porque o meu gosto pela cozinha moçambicana, com tantos aromas indianos, me puxou para aí...

 Adiante...
Esta receita foi inspirada pelo livro Receitas Vegetarianas de Paul Gayler, já mencionado noutros posts deste blogue. Inspirado porque não é 100% fiel ao original e embora a receita descrita no livro recomendasse o uso de massa folhada para a confecção destes pastéis quer-me parecer que este recheio deve ser originalmente utilizado em chamuças vegetarianas.
Eu adoro chamuças, mas a massa brick é extremamente difícil de arranjar por estas bandas e ainda não me atrevi a fazê-la em casa porque, segundo sei, é bastante trabalhosa.

De maneira que decidi transformar estes pastéis em empadas.
 Já agora, se também apreciam o tempero indiano mas não estão para tantos trabalhos, sugiro que preparem apenas o recheio dos pastéis e o usem como acompanhamento para outros pratos. É excelente e pode ser uma boa forma de aproveitar restos de batatas ou mesmo de outros legumes, como brócolos e couve-flor.
 O autor recomenda que se acompanhem os pastéis com molho Chutney. Podem encontrar este molho já preparado nalguns hipermercados, mas ele é tão fácil de fazer em casa que um dia destes hei-de ensinar-vos e ponho aqui o link.


Ingredientes:
  • 300g de mistura de batata e batata doce cozida (ou frita, em cubos)
  • 100g de ervilhas (usei congeladas)
  • 1 cebola picada
  • 1 dente de alho picado
  • 1 cm de gengibre fresco picado
  • 80 mL de azeite
  • meia colher de chá de piri-piri
  • 1 colher de chá de garam masala
  • 1 colher de chá de cominhos moídos
  • meia colher de chá de açafrão
  • sal q.b.
  • um molhinho de hortelã
  • 1 embalagem de massa quebrada (cerca de 250g), ou massa folhada ou massa brick (neste caso obterão chamuças, que são fritas em óleo quente e não cozidas no forno, como quando se usa qualquer um dos outros dois tipos de massa)
  • 1 ovo para pincelar a massa
Modo de Fazer:


1) Começa-se por cozer as batatas e as batatas doces com casca, em água e sal. Também fica muito saboroso se, em vez de cozerem as batatas, as fritarem previamente (sem casca).

2) Noutra panela cozem-se as ervilhas.

3) Num tacho à parte prepara-se um refogado com a cebola, o alho e o gengibre picados, o piri-piri, o garam masala e os cominhos e deixa-se que frite levemente.
4) Acrescentam-se as batatas e as ervilhas e envolvem-se bem para absorverem os aromas das especiarias. Deixa-se cozinhar.
Pouco antes de apagar o lume acrescenta-se a hortelã picadinha.



5) Estende-se a massa e corta-se a gosto para fazer os pastéis. Desta vez, como usei massa quebrada, fiz em forma de empadas, mas se usarem massa folhada podem até cortar em rectângulos e nesse caso ficarão com pastéis em forma de almofadinhas.
6) No final pincelam-se os pastéis com um ovo batido (se fizerem chamuças, não as pincelem com ovo!).

7) Levam-se os pastéis ao forno a 220ºC até ficarem douradinhos.

Bom apetite.
Bjinhos Sophia

Sem comentários:

Enviar um comentário